Dra. Gisele Arantes



Ser reconhecida como Advogada dotada de padrões de excelência e técnica em diversificadas áreas do Direito. Prestar serviços jurídicos na defesa do cliente, prevenindo ou reparando, com rapidez, qualidade, respeito e ética.Agir com honestidade e integridade. Assumir as necessidades dos clientes, persistindo na busca de soluções. Estar em evolução permanente. Respeitar e fazer respeitar os direitos dos nossos clientes.

25 de abr de 2015

Direito dos idosos: respeito é bom e eu gosto!


Essa publicação foi apenas um resumo de um dos direitos dos Idosos.

As empresas devem manter duas poltronas reservadas para a liberação da gratuidade 100%. 

Vale lembrar que a procura é grande e a maioria das vezes não é a empresa que não cumpre, é que o Idoso vai num dia e deseja viajar no outro, uma missão "quase impossível", visto que são apenas duas poltronas.

Inclusive, as empresas devem manter as poltronas reservadas até 3 horas antes do embarque, a partir daí ela pode disponibilizar para venda. 

Quanto a gratuidade 50%, não há obrigatoriedade de reserva de poltrona, porém também tem restrições. 

Em viagem de até 500 km, a passagem só pode ser marcara no dia da viagem com até 6 horas de antecedência. Exemplo: se o embarque for às 12h, a gratuidade 50% será disponibilizada após às 6h.  Para viagem com mais de 500 km, a regra é de até 12h de antecedência. Exemplo: se o embarque for às 22h, a gratuidade poderá ser liberada após às 10h. 

É importante que saibam destas informações, aí podem cobrar das empresas que não cumprem.

2 comentários:

  1. Como faço para entrar em contato com a Sra?

    ResponderExcluir
  2. Boa noite Dr. Tenho uma avó de 87 anos de idade, ela já não enxerga mais direito, não pode mais se defender sozinha. Mora em uma casa longe de toda a família, porém perto de um dos filhos. A questão é que, esse filho quer mandar nela e se aproveitar do dinheiro que ela recebe da aposentadoria. Botou o filho dele que acabou de sair de uma clinica para viciados em droga para morar com ela e, agora quer obrigá-la a fazer um muro na casa, pois seu filho foi ameaçado de morte. Gostaria de saber como posso fazer para ajudar minha vó e tirar ela de lá.

    ResponderExcluir